IEQ Cervezão

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte

1º Passo - Adoração em meio à luta

 

Adora__ao.jpg

 

Mateus 15.21 a 28 “Partindo Jesus dali, retirou-se para os lados de Tiro e Sidom. E eis que uma mulher Cananéia, que viera daquelas regiões, clamava: Senhor, Filho de Davi, tem compaixão de mim! Minha filha está horrivelmente endemoninhada. Ele, porém, não lhe respondeu palavra. E os seus discípulos, aproximando-se, rogaram-lhe: Despede-a, pois vem clamando atrás de nós. Mas Jesus respondeu: Não fui enviado senão às ovelhas perdidas da casa de Israel. Ela, porém, veio e o adorou, dizendo: Senhor socorre-me! Então, ele, respondendo, disse: Não é bom tomar o pão dos filhos e lançá-lo aos cachorrinhos. Ela, contudo, replicou: Sim, Senhor, porém os cachorrinhos comem das migalhas que caem da mesa dos seus donos. Então, lhe disse Jesus: Ó mulher, grande é a tua fé! Faça-se contigo como queres. E, desde aquele momento, sua filha ficou sã”.

Jesus estava passando pelas regiões de Tiro e Sidom, regiões dominadas pela idolatria, feitiçaria e, consequentemente pela incredulidade. Nesse contexto encontra com uma mulher Cananéia (os cananeus eram pagãos, serviam a Baal).

Essa mulher fica sabendo do poder de Jesus e ela então vai correndo atrás Dele. Por quê? Porque quando a Bíblia fala sobre a filha dessa mulher, usa a expressão “horrivelmente endemoninhada”. Isso significa que ela agredia as pessoas, destruía a casa. Imagine ter uma filha nessa situação! Aquela mulher certamente já havia buscado na feitiçaria, em todas as coisas e nada havia resolvido.

Ela ouve então falar do poder libertador de Jesus Cristo e ela vai correndo atrás de Jesus. O que estava acontecendo com ela?

A necessidade dela era maior que a sua dignidade humana

Sabemos às vezes nós somos tão enganados pela nossa carne. Achamo-nos tão importantes e continuamos presos à necessidade. Porém aquela mulher não quis saber se estava fazendo papel de louca ou passando por ridícula – ela precisava de um milagre! Quem aqui precisa de um milagre? Quem precisa de um milagre sai correndo atrás do milagre e não fica com “conversinha”.

Olhe como as coisas são espirituais: Jesus olhou para ela 

Parecia num primeiro momento ate um olhar de desprezo porque Jesus olhou e não falou nada. Porém o detalhe está aí: Jesus olhou pra ela e se hoje, como aquela mulher, passar por essa barreira do impossível (barreira da incredulidade), Jesus vai olhar pra você e o milagre vai acontecer!

Aquela mulher teve três atitudes espirituais que mudaram sua vida:

A primeira nós vamos falar hoje: Ela Adorou

Ela clamava: Jesus Filho de Davi... Ao falar esta palavra ela estava reconhecendo Jesus como Rei, sucessor de Davi, o prometido e escolhido por Deus.

Jesus está precisando de adoradores. Nós estamos precisando, em meio à luta, à tribulação, de adorar ao Senhor. Jesus disse à mulher samaritana

João 4.23 e 24 “Mas vem à hora e já chegou, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque são estes que o Pai procura para seus adoradores. Deus é espírito; e importa que os seus adoradores o adorem em espírito e em verdade”.

O que é adoração?

Significa veneração. Rendição total e absoluta. Reconhecimento pleno que leva a dar honra. E a adoração é a condição que Deus procura em nós para que Ele venha e traga a mudança de vida porque Ele é Deu!

Dizer que ela adorou a Jesus significa que:

Ela reconheceu o senhorio, a superioridade de Jesus. Ela enxergou que Jesus era o único que poderia resolver a sua vida. Ela andou pela fé de que Jesus poderia fazer aquilo que ela não pôde.

E o Grande segredo dessa palavra é: Adorar a Jesus mesmo em meio à luta.

Aquela mulher tinha uma luta, uma necessidade, estava desesperada e foi aparentemente desprezada. O que você faria? “Não brinco mais! Vou mudar de igreja. Vou mudar de Deus”!

Aquela mulher foi. Prostrou-se e adorou a Jesus, ela se derramou.

Como é possível isso? Adorar em meio à luta e ao problema?

1 - Eu adoro em meio à luta quando me permito ser quebrantado

Quebrantamento significa derramar-se. Deixar de lado as razões humanas. Esvaziar-se delas e ir, completamente aberto aos pés de Jesus. Não para justificar suas posições, mas para buscar Dele o milagre, a solução.

O segredo para quebrantar-se é usar o próprio sofrimento da luta que você está passando para derramar-se aos pés de Jesus ao invés de ficar revoltado contra Ele.

Daniel quando ora no cativeiro babilônico, mesmo sofrendo com o povo a opressão do inimigo ele diz ao Senhor:

Daniel 9.7 e 8 “A ti, ó Senhor, pertence à justiça, mas a nós, o corar de vergonha, como hoje se vê; aos homens de Judá, os moradores de Jerusalém, todo o Israel, quer os de perto, quer os de longe, em todas as terras por onde os tens lançado, por causa das suas transgressões que cometeram contra ti. Ó Senhor, a nós pertence o corar de vergonha, aos nossos reis, aos nossos príncipes e aos nossos pais, porque temos pecado contra ti”.

Nós temos que olhar para Jesus no Getsêmani. Em seu pior momento de agonia, Ele chora diante do Pai, se quebranta e O adora.

Você precisa se quebrantar. Derramar a suplica aos pés de Jesus. Atrair a atenção de Jesus através do quebrantamento!

2 - Eu adoro em meio à luta quando eu enxergo que Jesus é maior do que a luta

A mulher Cananéia enxergou isso. Mesmo diante daquela cena horrível da filha naquele estado de endemoninhamento, ela enxergou que Jesus era maior que aquilo tudo!

Diga: “Jesus é maior”! 1 João 4.4 “Filhinhos, vocês são de Deus e os venceram, porque aquele que está em vocês é maior do que aquele que está no mundo”;

Não está tudo perdido! Não! Deus é maior que essa luta! E se você o adorar o teu livramento virá.

Jesus disse para Marta e Maria: Eu Sou a ressurreição e a vida! Se tu creres tu verás a Gloria de Deus!

3 - Eu adoro em meio à luta quando eu enxergo o plano de Deus em meio à luta

Eu não posso deixar a luta me envolver a alma e me tirar à visão da obra de Deus em minha vida. Algo que precisamos entender: A luta não muda o plano de Deus, nem a vontade de Deus em minha vida, então, mesmo que eu esteja sofrendo, a vontade Dele pra mim é boa, perfeita e agradável e Deus está trabalhando (Filipenses 1.6).

Nós olhamos para Paulo e Silas na prisão em Atos 16, cansados, machucados:

Atos 16. 25 e 26 “Por volta da meia-noite, Paulo e Silas oravam e cantavam louvores a Deus, e os demais companheiros de prisão escutavam. De repente, sobreveio tamanho terremoto, que sacudiu os alicerces da prisão; abriram-se todas as portas, e soltaram-se as cadeias de todos”.

Um grande terremoto de poder vai invadir a tua vida hoje quando você começar a adorar a Deus. Eu não sei como você entrou aqui hoje, preocupado, machucado, mas hoje é dia do Senhor te visitar e mudar a tua sorte diante dos teus olhos!

2 Coríntios 4.17 “pois os nossos sofrimentos leves e momentâneos estão produzindo para nós uma glória eterna que pesa mais do que todos eles”.

Quando eu adoro em meio à luta, o que acontece:

Os Céus se abrem sobre mim. Deus muda a minha sorte de maneira sobrenatural, inexplicável. Eu vivo Habacuque 1.5 “Olhem as nações e contemplem-nas, fiquem atônitos e pasmem; pois nos dias de vocês farei algo em que não creriam, se lhes fosse contado”.

Deus vai fazer obra tão maravilhosa, que se contar ninguém crerá.

Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.